Biopesca


Fragata debilitada é atendida em Praia Grande (SP)

14/10/2019

Uma fragata (Fregata magnificens) jovem foi estabilizada com sucesso pelo Instituto Biopesca após ser encontrada debilitada na faixa de areia de Itanhaém (SP) no dia 24 de setembro. Ela foi resgatada durante execução do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS) e recebeu todos os cuidados necessários na Unidade de Estabilização (UE) do Instituto.

Na semana passada (7), após ter a saúde estabilizada, a fragata foi encaminhada ao Centro de Reabilitação e Despetrolização de Guarujá, para, em breve, voltar à natureza. As fragatas também são conhecidas como tesourão e podem ser encontradas, no Brasil, em colônias em Fernando de Noronha, Bahia, Rio de Janeiro, São Paulo, Paraná e Santa Catarina.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Uma das características que indicam a maturidade dessa espécie é a coloração das penas na cabeça, que possuem cor branca em fase juvenil e preta na fase adulta.
⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
O Instituto Biopesca é uma das instituições executoras do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS). O PMP-BS é uma atividade desenvolvida para o atendimento de condicionante do licenciamento ambiental federal das atividades da Petrobras de produção e escoamento de petróleo e gás natural no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, conduzido pelo Ibama.

Esse projeto tem como objetivo avaliar os possíveis impactos das atividades de produção e escoamento de petróleo sobre as aves, tartarugas e mamíferos marinhos, por meio do monitoramento das praias e do atendimento veterinário aos animais vivos e necropsia dos animais encontrados mortos.

O projeto é realizado desde Laguna/SC até Saquarema/RJ, sendo dividido em 15 trechos. O Instituto Biopesca monitora o Trecho 8, compreendido entre Peruíbe e Praia Grande.

Para acionar o serviço de resgate de golfinhos, tartarugas e aves marinhas, vivos debilitados ou mortos, entre em contato pelos telefones 0800 642 3341 (horário comercial) ou (13) 99601-2570 (WhatsApp e chamada a cobrar).

Em fase juvenil, as fragatas apresentam coloração branca nas penas da cabeça e preta na fase adulta


Navegação de postagens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *