Biopesca


Biopesca apoia pesquisa para conservação da tartaruga-verde

O Biopesca está apoiando projeto de doutorado que avalia a dieta dos juvenis de tartarugas-verde (Chelonia mydas), suas principais áreas de alimentação no Oceano Atlântico Sul-Ocidental e principais rotas de deslocamento do animal. O apoio da organização consiste na identificação de pontos costeiros onde algas – item de alimentação das tartarugas – podem ser coletadas (foto).

Esse projeto é desenvolvido pela bióloga Luciana Rolinski Gama, doutoranda em Sistemas Costeiros e Oceânicos pela Universidade Federal do Paraná (UFPR), e tem o apoio da Associação MarBrasil, que realiza o Programa de Recuperação da Biodiversidade Marinha (REBIMAR), com o patrocínio da Petrobras, por meio do Programa Petrobras Socioambiental.

A relação do Biopesca com o desenvolvimento desse projeto vai ao encontro do apoio que a organização fornece a diversas pesquisas e trabalhos acadêmicos voltados à aquisição de maior conhecimento sobre a biologia e ecologia das espécies marinhas ameaçadas de extinção. A tartaruga-verde está entre elas.

 

O recolhimento de algas ocorreu em Santos (SP) (foto) e Itanhaém (SP)

 

Todas as amostras de algas recolhidas serão analisadas pela bióloga Luciana

Navegação de postagens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *