Biopesca


Programa de estágios já atendeu mais de 30 estudantes

20/11/2019

Desde 2018, um total de 33 estudantes universitários já participou do programa de estágios do Instituto Biopesca, em sua maior parte alunos de Medicina Veterinário e Biologia. Essa iniciativa integra o apoio a atividades acadêmicas, um dos objetivos da entidade, e colabora com o aprendizado teórico e prático dos participantes.

Uma das estagiárias do Biopesca foi Alice Pereira Americano (foto), 23 anos, estudante de Medicina Veterinária da Unesp/Jabuticabal. Sua experiência, que terminou agora em novembro, durou pouco mais de dois meses e, na avaliação dela, “foi tão positiva que, se fosse possível, continuaria”.

Entre as atividades que desenvolveu, estiveram o atendimento a animais marinhos vivos, o acompanhamento de solturas e de exames de necropsia. “Tive contato com animais que ainda não tinha visto, como golfinhos e tartarugas. Essa experiência foi muito rica”, conta.

Ela também teve a iniciativa de montar o crânio de uma tartaruga-de-couro (Dermochelys coriacea), encontrada em 2016 já sem vida pelo pescador Juliano Almeida, parceiro do Biopesca, em Mongaguá. “Esse trabalho foi desafiador, mas gostei muito”, comentou.

Foto: Maria Carolina Ramos/Instituto Biopesca

Navegação de postagens

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *